Scroll Top

Um método cientificamente comprovado e natural que já ajudou a milhares no mundo de pessoas a se livrarem das dores, dos analgésicos, da insônia, da ansiedade e de crises do pânico.

10 Dicas de Como Cuidar das Orquídeas

Veja algumas Dicas de Como Cuidar das Orquídeas, saiba que elas podem permanecer visíveis e saudáveis ​​com poucos produtos químicos, como revelou o diretor de relações públicas da Aosp, Elza Kawagoe. Basta colocar alguns ingredientes caseiros, como pó de canela [...]

Veja algumas Dicas de Como Cuidar das Orquídeas, saiba que elas podem permanecer visíveis e saudáveis ​​com poucos produtos químicos, como revelou o diretor de relações públicas da Aosp, Elza Kawagoe. Basta colocar alguns ingredientes caseiros, como pó de canela e sabão de coco, e estar ciente dos sinais que a planta dá.

As orquídeas não gostam de ambientes encharcados, suas raízes apodrecem e abre as portas para ataques de fungos, bactérias e outros parasitas. Idealmente, sua planta deve ser colocada em um substrato drenável (como casca de pinheiro ou fibra de coco) e em vasos sem placa.

A rega da orquídea deve ser feita quando se notar que o substrato está seco,  2 vezes por semana dependendo da umidade local. Continue lendo o artigo e veja outras dicas de como cuidar das orquídeas.

como cuidar de orquideas

VEJA AQUI ALGUMAS DICAS DE COMO CUIDAR DAS ORQUÍDEAS

1. Prefira potes de argila aos de plástico. Embora sejam mais caros, os de vaso têm mais porosidade e drenam a água melhor. Se você optar por plásticos, fique atento à rega para evitar o excesso de enchimento da planta.

2. Se a base da orquídea for inferior a um dedo da boca do pote, é necessário mudar a moradia. Tente deixar dois dedos altos abaixo da boca do vaso.

3. Para acomodá-lo no novo vaso, observe de que lado vêm os novos brotos – esta é a frente da orquídea. As costas devem ser pressionadas contra um lado do navio para apoiar o desenvolvimento do espécime.

4. Para troca de vasos, adicione fibras de coco ou microplaquetas de musgo à planta. Este deve ser lavado com água para remover o excesso de areia.

5. Antes de cortar a orquídea, esterilize as tesouras (com uma tocha portátil ou no fogão). Deixe esfriar e depois use. Importante: Repita a operação antes de manusear outra orquídea para evitar a transmissão de doenças.

6. Ao descartar uma folha, passar pó de canela para o local de corte. O ingrediente é uma cura natural.

7. As manchas na folhagem podem ser suavizadas com fumo de corda. Ferver a fumo na água por uma hora até se transformar em uma solução concentrada, que deve ser diluída em água. Pulverizar as folhas novamente e novamente até funcionar.

8. A cochonilha e os pulgões podem ser eliminados das folhas com sabão de coco. Use um pincel para esfregar as folhas.

9. Observe a coloração da folhagem de suas orquídeas. Se estiver escuro, mude a orquídea de localização. Quanto mais você entrar em contato com a luz, mais ela florescerá.

10. Instale placas de identificação de plástico em suas orquídeas. Além do nome da espécie, observe o período da sua última floração. A próxima floração pode ser estimulada com NPK 10 30 20, que tem mais concentração de fósforo.

>>> SAIBA MAIS SOBRE COMO CUIDAR DE ORQUÍDEAS <<<

orquídea silvestre

orquídea nativa
orquídea pode ficar no sol

Se gostou compartilhe com seus amigos!

Como Cuidar de Orquídeas

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (547 votes, average: 5,00 out of 5)

Loading...

Fique Atualizado!

Um método cientificamente comprovado e natural que já ajudou a milhares no mundo de pessoas a se livrarem das dores, dos analgésicos, da insônia, da ansiedade e de crises do pânico.